Blog Dicas

Santiago: 5 pontos turísticos para visitar a pé

Por Davi Noronha

Santiago é uma capital incrível e possui alguns pontos turísticos próximos ao centro. Quer saber sobre algum desses passeios? Venha conosco

O centro das cidades costuma dizer muito sobre a história do local. Justamente por isso, sempre recomendamos aos viajantes que façam um City Tour para conhecer atrativos que são muitas das vezes carregados de cultura e história.

Dependendo do seu perfil de viajante, esse City Tour pode ser feito através de um um passeio com guia explicando cada detalhe ou você pode escolher por percorrer a pé esses pontos.

Se você é daqueles que gosta de conhecer tudo por conta, esse post é pra você. Listamos aqui 5 pontos turísticos em Santiago para você conhecer a pé. Isso mesmo, você pode ir de um ponto ao outro caminhando.

Pontos turísticos em Santiago

Aqui separamos alguns desses lugares. Que são:

  • Palacio de la Moneda;
  • Bairro Paris-Londres
  • Plaza de Armas;
  • Mercado Central;
  • Cerro Santa Lúcia;

Palacio de la Moneda

Você pode começar pelo Palacio de la Moneda. Que é, talvez, o ponto mais importante da cidade. É nele que se encontra o gabinete da presidência.

A maioria dos turistas fica do lado de fora admirando o que tem ao redor e vendo a troca de guardas que acontece durante o ano inteiro, dia sim, dia não.

Porém, se você quiser e conseguir agendar, você pode visitar o palácio por dentro. O tour pode ser feito em inglês ou espanhol, onde o guia explicará todas as informações importantes a respeito do palácio.

Nessa visita você conhecerá, primeiramente, o Pátio das Laranjeiras (localizado logo na entrada). Ao entrar, conhecerá três salões importantíssimos: Salón Pedro Valdivia, Salón Montt-Varas e Salón O’Higgins.

Depois dos salões, chega a hora de conhecer o Pátio dos Canhões (onde você verá dois canhões – o relâmpago e o furioso).

Por fim, você passará pelo Patio de Los Canelos, que recebe esse nome devido uma árvore considerada sagrada pelo povo.

No final de tudo, os visitantes ainda terão um tempinho para fazer as perguntas que quiserem.

Se você quiser agendar sua visita ao Palacio de La Moneda, entre nesse site.

Bairro Paris-Londres

Para a segunda parada, aproveite para conhecer o charmoso Bairro Paris-Londres. O nome é esse pois esse bairro realmente lembra essas cidades. Além disso, o governo chileno pagou arquitetos europeus para essa construção.

Nesse bairro você encontrará algumas lojinhas, cafés com cadeiras nas ruas e um pequeno museu.

O bairro é bem pequeno, se limita ao cruzamento da rua Paris com a rua Londres.

Apesar de lindas, as belas ruas escondem histórias tristes. Especificamente no número 38 da rua Londres. O local foi por muito tempo uma casa de tortura durante a sangrenta ditadura de Pinochet.

Hoje em dia é possível observar os paralelepípedos em frente a casa que foram trocados por placas com nomes de pessoas desaparecidas desde a época. A casa hoje é um museu. Se você quiser conhecer, a entrada é permitida de terça a sábado, basta consultar o site para confirmar os horários.

Plaza de Armas

Seguindo para o próximo ponto, temos a Plaza de Armas. A plaza de Armas é o marco zero da cidade de Santiago. Esse é mais um ponto que carrega bastante história.

Nessa praça ocorriam desde festas até julgamento de criminosos. E ela foi criada com o intuito de concentrar construções administrativas por perto dela.

A partir do século 19, ela começou a ser arborizada e aberta para comerciantes informais e para os artistas locais.

Ao redor da praça, você verá prédios como o Museu Histórico Nacional e Catedral Metropolitana.

Esse passeio é ótimo para quem quer conhecer uma pouco da história e da cultura do Chile. Além disso, sua arquitetura chama bastante atenção.

Mercado Central

Se quiser um local bem turístico para almoçar, pode seguir a sua caminhada até o Mercado Central.

Uma curiosidade é que o Mercado Central de Santiago, em 1984, foi nomeado Monumento Histórico. E, além disso, ele já foi considerado o quinto melhor mercado do mundo pela National Geographic.

Muitos turistas vão lá para experimentar a famosa centolla. Uma espécie de caranguejo gigante e que é um dos símbolos da culinária chilena.

Algumas pessoas reclamam do forte cheiro de frutos do mar. Mas, de qualquer forma, esse é um ponto turístico importantíssimo e que vale a pena ser visitado.

Cerro Santa Lucia

O Cerro Santa Lucia é mais um dos principais pontos turísticos de Santiago. E fica bem próximo do centro.

Localizado em um lindo parque com cerca de 65.000 metros quadrados, nesse passeio você poderá apreciar uma vista linda de cima de um morro. Inclusive, pode aproveitar para admirar o pôr do sol.

Esse lugar carrega muita história. Muito além do que só uma vista bonitinha.

Seu nome foi dado pelo colonizador, Pedro de Valdívia. E esse nome homenageia uma mulher que viveu 21 anos. E, após sua morte, algumas igrejas a consideraram a Santa Lucia.

Grande parte da construção da cidade foi feita com a ajuda desse cerro. Nesse parque você poderá ver a Terraza Neptuno, algumas estátuas e o Castelo Hidalgo.

Porém, para passear por esse parque, é necessário que você tenha bastante fôlego e energia. São escadas e ladeiras que parecem infinitas.

Além disso tudo, nesse cerro ainda ocorre um evento culinário chamado Ñam. Esse evento é um dos maiores de toda a América do Sul.

Se quiser finalizar o seu dia, aproveite para passear pelo boêmio bairro Lastarria para descansar das andanças do dia e experimentar um pouco da noite santiaguina.

Conseguiu perceber que cada pontinho de Santiago traz em sua bagagem muita história, né? Por isso o ideal é fazer o City Tour com um guia que poderá te dar muitos detalhes.

Esperamos que tenhamos te ajudado. Caso ainda tenha alguma dúvida, clique nesse link e Fale Conosco.

E se quiser conhecer mais dos possíveis passeios que você pode fazer em Santiago é só conferir no nosso site.

event_available Viaje até o fim de 2021 com reagendamento e cancelamento flexíveis!